O proletariado!

Sem título

 

Para as indústrias foram chamados
Revoltados com a condição de trabalho
Os Operários revoltados
Lançados a maus-tratos
Exaustos eram castigados
Tamanha era a fadiga
A sua vida terminada
Ruínas de sua família
Inundada de dívidas
As doenças também enchiam
Da sua cama as ruas
Os seus filhos, esposa e vizinhos chorosos assistiam aquela condição desumana.

Eliphas Bruno

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s